Magazine - Rede Conecta

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Apenas 2% dos corpos celestes perigosos para Terra são conhecidos por astronômos.


No momento, os astrônomos dispõem de informações sobre menos de 2% dos corpos celestes potencialmente perigosos com tamanho superior a 50 metros e capazes de provocar uma catástrofe ainda maior do que a de Tunguska, informa o diretor do Instituto de Astronomia da Academia de Ciências da Rússia.

Ele citou dados que revelam que, no momento, os cientistas conhecem 1.340 asteróides potencialmente perigosos com cerca de 50 metros de tamanho. Porém, o seu número total é estimado em 100.000, ou seja, mais de 98% permanecem desconhecidos.

Jane Binário

Fonte: Voz da Rússia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dna Binário agradece seu comentário.
Seja sempre bem vindo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...