Magazine - Rede Conecta

domingo, 17 de março de 2013

Chile inaugura observatório mais poderoso do mundo

Chile inaugurou em 13/03/2013 o colossal conjunto de radiotelescópios ALMA. Visto como o mais ambicioso projeto astronômico de todos os tempos, o observatório promete desvendar vários mistérios do universo, inclusive dando pistas sobre nossa enigmática origem.



O ALMA (Atacama Large Millimeter Array, ou Grande Conjunto Milimétrico do Atacama) está localizado no Deserto do Atacama, no Chile, que é o local mais árido do mundo, e possui uma atmosfera semelhante à de Marte, o que permite melhores observações do espaço, além de sua localização próxima ao equador.

Ao todo, diversos países da Europa, além de Estados Unidos e Japão, ajudaram no desenvolvimento do projeto, que teve um custo de mais de 600 milhões de dólares.



Os pesquisadores estão confiantes de que o novo observatório renderá grandes descobertas científicas em breve.

Com 66 antenas (que juntas operam como uma única antena de 16 km de diâmetro), o ALMA estudará o universo distante em comprimentos de onda milimétricas e submilimétricas invisíveis aos olhos humanos – ondas que permitirão observar além de densas nuvens de gás e poeira até as regiões mais frias e antigas (distantes) do universo. Com o ALMA, será possível analisar com uma precisão sem precedentes os primórdios do universo, assim como a formação das primeiras estrelas e galáxias, pouco tempo após o Big Bang, o evento que originou o universo há 13.7 bilhões de anos.

O filme ALMA - Em busca de nossas origens cósmicas

Este vídeo de 16 minutos apresenta a história de ALMA das origens do projeto há várias décadas para os recentes e primeiros  resultados científicos. Ilustrado por imagens de helicóptero, o filme leva você a uma viagem para a 5000 metros de altura Chajnantor Plateau, onde fica ALMA, no ambiente único do Deserto do Atacama, no Chile.

Obs: "Não visualizar o vídeo em modo de tela cheia, pois não foi possível criar uma melhor resolução de imagem nas dimensões do layout do blog. A renderização de imagem e legenda que foram aplicadas ao vídeo original que não dispunha desse recurso, diminuíram a qualidade da imagem".

Jane Binário

Fonte - Créditos: ALMA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dna Binário agradece seu comentário.
Seja sempre bem vindo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...